O GLOBO - Informática Etc.
Carlos Alberto Teixeira - C@T

Kevin Mitnick Superstar

Artigo: 522

Ex-hacker vira celebridade e estréia na TV

Publicado em:  2001-10-29
Escrito em:  2001-10-25

 

Foi ao ar ontem o quinto episódio da nova série dominical televisiva Alias, na rede americana ABC. É um seriado de sexy-espionagem, hackers pra todo lado, duas moças bem bonitas, trilha sonora high-tech supersintetizada e todas essas coisas típicas de enlatados modernosos americanos. Só que nesse episódio de ontem havia um camarada fazendo uma ponta interpretando um tal agente Burnett da CIA, especialista em computadores. Sabem que era o ator? Ninguém menos do que Kevin Mitnick, o mais famoso hacker da história.

Com mais de vinte anos explorando os meandros da segurança de computadores, Kevin começou como hacker e acabou virando um renomado expert autodidata dedicado a expor vulnerabilidades em sistemas digitais de alta complexidade, além de redes de telecomunicações, lançando mão de meios técnicos e de outros nada técnicos, como a famosa "engenharia social", em que uma das regras básicas é namorar a secretária do chefão de quem pretendia surrupiar informações e senhas de acesso. Desse jeito ele obteve acesso não autorizado às máquinas das maiores corporações do planeta e penetrou nos sistemas mais bem guarnecidos da rede, ou fora dela. O único probleminha é que havia um camarada mais fera do que ele, um japa casca grossíssima -- Tsutomu Shimomura, que foi quem o pegou. Aliás, um bom livro sobre essa epopéia foi lançado pela Editora Campus em 1996: "O Pirata Eletrônico e o Samurai", de Jeff Goodell, ISBN 85-352-0043-6. Depois de ser indiciado em 23 processos por fraude de computadores e telecomunicações, Kevin confessou sua culpa e foi condenado em apenas um dos processos. Passou quase cinco anos atrás das grades e foi posto em liberdade condicional em janeiro do ano passado.

Seu personagem no seriado Alias contracenou com a agente Sydney Bristow, interpretada pela bela Jennifer Garner. O fato de ele estar agora na TV justamente no papel de um agente federal não deixa de ser uma ironia do destino. O produtor da série, J. J. Abrams, passou o maior sufoco para conseguir que Kevin trabalhasse no elenco. Teve que se comprometer por escrito com o oficial da condicional de que o ex-hacker só usaria em cena computadores de mentirinha. Em tempo, uma das restrições da condicional é que Kevin não chegue perto de computadores (verdadeiros) sem permissão do governo por escrito. Outra coisinha que o produtor pediu foi que o fuxiqueiro cortasse a longa cabeleira que havia cultivado no xilindró. Abrams comentou brincando que, durante as gravações, pediu que Kevin autografasse o iMac dele com uma caneta, o que acabou produzindo um momento tenso, pois a qualquer instante os federais poderiam entrar de supetão e ver o Kevin quase tocando um computador, arruinando sua condicional.

Bem, se Kevin Mitnick estava se recuperando bem do vício digital, certamente passou por uma prova de fogo pois enfrentou o que se poderia comparar a abrir uma garrafa de whiskey doze anos sob as ventas dum ex-alcoólatra. Mas tudo isso vai acabar no dia 20 de janeiro de 2003, quando será um homem realmente livre e pois poderá a voltar a micrar à vontade e atuar normalmente como consultor em assuntos ligados a informática e telecomunicações. Aí sim, o cara vai montar na grana. Mas já andou faturando bem graças à publicidade que se armou em torno de seu legendário nome. Apareceu em vários programas de TV: Good Morning America, Court TV, 60 Minutes, Burden of Proof (da CNN), Street Sweep e Headline News. No rádio já foi ouvido no Talkback Live, Canada AM, Marketplace e na National Public Radio. Em eventos tecnológicos virou estrela, como no Infrastructures for E-Business Conference da Giga Information Group, na Software Developers Expo 2000 Conference e na DEFCOM Security Conference. Já escreveu artigos para a Time Magazine, Newsweek, U.K. Guardian, SecurityFocus.com e para a famosa revista underground "2600: The Hacker Quarterly". Atualmente está trabalhando como apresentador dum programa talk-show de rádio na emissora KFI de Los Angeles, 640kHz AM, das 5 às 7 da madrugada aos domingos. O nome do programa é "Darkside of the Internet" (o lado escuro da internet). Infelizmente o stream de áudio online da emissora está com defeito, mas eles prometem que logo irão consertar.


Nosso colaborador do Canadá, Fred Rego <fredr@aeroinfo.com>, consultor de sistemas na área de aviação, vem acompanhando de perto os desdobramentos da indústria desde os atentados de setembro e de vez em quando manda algumas pérolas que encontra por lá. A mais recente foi um pequeno texto que levanta uma delicada questão moral envolvendo uma situação hipotética mas bastante oportuna, especialmente pelo personagem envolvido e pelo teste ético que traz em seu bojo. A tônica é obviamente pró-americana, mas o impasse é interessante. Suponha que você está em algum ponto da Ásia Central ou do Oriente Médio e uma terrível inundação está acontecendo. Muitos perderam suas casas, o fornecimento d'água está comprometido e a infraestrutura geral está seriamente danificada. Imagine então que você é um fotógrafo e está a serviço de uma agência internacional, um jornal famoso, viajando sozinho e buscando por fotos particularmente pungentes. De repente você encontra Osama bin Laden, que foi carregado pelas águas torrenciais da enchente e está se agarrando ao galho fininho duma árvore, prestes a ser tragado por um rodamoinho. Você pode baixar sua câmera e salvá-lo ou ganhar um Prêmio Pulitzer por fotografá-lo no momento em que o galho quebrar. Aqui vai a capciosa pergunta que você deve responder, mas pense com muito cuidado antes de dar sua resposta. Bem, pensando melhor, veja a pergunta no endereço web abaixo. Que suspense, hein.


Os links do artigo de hoje encontram-se em <www.yahoogroups.com/files/infoetc/522-links.htm>. Aliás o URL dos links da semana passada foi publicado errado por falha minha. Quem ainda quiser ver é só usar o endereço de hoje, mudando o 522 para 521. Facilitando sua vida, aqui vão os links de hoje:

* site oficial Show Alias na ABC-TV:
http://i.abctv.com/primetime/alias/index.html

* tudo sobre o seriado Alias:
http://www.ew.com/ew/allabout/0,9930,32091~11~~alias,00.html

* Episódio 5:
http://i.abctv.com/@v=0524283@/primetime/alias/episodes/ciacurrent.html

* ou então aqui:
http://i.abctv.com/@v=0524283@/primetime/alias/episodes/1/04/ciaepisode05a.html

* Kevin Mitnick:
http://www.kevinmitnick.com/

* Programa DarkSide na rádio KFI:
http://www.kfi640.com/darkside.html
(Atenção para o nenem que muda de cara quando se passa o mouse nos botões à esquerda)

* Psicologia dos hackers:
http://www.infowar.com/hacker/99/HackerTaxonomy.shtml

* Livro de Jeff Goodell: "The Cyberthief and the Samurai" - 1996
http://www.wcl.govt.nz/perl/catmout.pl?icn=443356&call=%20364.168%20GOO1996.&ian=

 

[ Voltar para o índice de artigos de 2001 ]

[ O Globo | Informática Etc. | coluna mais recente | enviar email
página pessoal C@T
| assinar lista InfoEtc | assinar GoldenList do C@T ]


powered by FreeFind